• Ana Pinto

Self-Care: 8 Atividades Para Pôr em Prática



De alguma forma todos nós já nos deparámos ou falámos sobre a importância do nosso bem-estar pessoal, e de uma forma geral, todos nós temos alguma consciência de algumas ações básicas no nosso dia-a-dia. Mas a verdade é que ainda hoje, e apesar de ser um tema atual, o autocuidado (Self-Care) é um conceito incompreendido e muitas vezes inacessível, pois na verdade nem sempre é fácil alterarmos a nossa vida e as nossas rotinas com base neste amor próprio.


Porque é tão desafiante cuidarmos bem do nosso Eu Interior?


Fora todas as nossas dificuldades em implementar uma vida de amor próprio e autocuidado, temos o mundo exterior, que considera muitas vezes essas ações narcisistas ou egoístas. Esta “voz exterior” acaba por ter ao longo do tempo uma influência muito grande na forma como vivemos, e consequentemente nas decisões que tomamos para o rumo da nossa vida. Para além desta voz exterior, existe a nossa “voz interior”, que nos garante que não temos tempo, energia ou que por algum motivo não somos merecedores.


Pela complexidade do conceito e pelas vozes interiores e exteriores, torna-se de facto um grande desafio termos a vontade natural de cuidarmos de nós. No entanto, quando observamos mais de perto e profundamente para o seu significado e para os verdadeiros benefícios da sua prática, todas estas limitações se desvanecem, pois não há nada mais saudável do que gostarmos de nós próprios.


O que é bom para mim pode não ser para o outro, e mesmo para nós esta condição está sempre em transformação. Precisamos de práticas de bem-estar adaptadas aos vários momentos do nosso dia, da nossa semana e da nossa vida.


The Vitality Wheel


Para mim sempre se tornou claro que bem-estar pessoal envolve corpo, mente e espírito. É muito importante conhecermo-nos e sabermos que a cada dia podemos precisar de uma maior ação numa destas nossas dimensões.


Para o ser humano torna-se mais claro e prático quando coloca as suas tarefas por categorias. Temos o exemplo da “Roda Da Vida”, um exercício que facilmente categoriza a nossa vida em várias áreas, de modo a ganharmos uma maior perceção de onde devemos investir mais para uma vida equilibrada.


Inspirada em algumas leituras que fiz da Psicóloga Suzy Reading, deparei-me com a sua criação “The Vitality Wheel”, que muito similar à Roda da Vida, é um exercício de categorização do nosso autocuidado, com base na Psicologia Positiva, no Mindfulness e na Filosofia do Yoga. Este exercício permite-nos dividir o nosso bem-estar pessoal em oito categorias, que nos ajudarão a melhorar o nosso bem-estar e energia.


“The Vitality Wheel” permite-nos ter maior consciência das nossas possibilidades, permitindo-nos especificar a área que sentimos que precisa de ser mais trabalhada, podendo assim criar pequenas tarefas que nos levarão a uma tranquilidade muito melhor do que esperávamos.


Oito atividades para te inspirares (na prática)


1. Dormir, Descansar, Relaxar, Respirar

Sugestão: Meditação com Respiração Consciente


2. Movimento e Nutrição Saudável

Sugestão: Prática de Yoga (Hatha Yoga Funcional; Yin Yoga)


3. Competências Cognitivas e Comportamentais para lidar com situações desafiantes Sugestão: Quando surge um pensamento negativo faça uma pause e questione-se:

“Se um amigo ou familiar estivesse a passar pelo mesmo que eu, o que lhe diria nesta circunstância?”

É um exercício imprescindível, pois ganhamos consciência que somos muitas vezes demasiado exigentes connosco.


4. Ambiente Físico que nos rodeia - Casa, Trabalho, Natureza

Sugestão: A Natureza é uma forma muito natural de encontrarmos tranquilidade.

Se vives numa cidade e não tens acesso, podes ver um documentário sobre natureza e verás os efeitos que tem em ti. Se vives perto do campo, sugiro que vivas essa tranquilidade mesmo na natureza, com foco no movimento (observar as movimentações da água ou do vento).

Partilho convosco um canal que sigo regularmente, precisamente pela simplicidade e felicidade que me faz sentir ao assistir: https://www.youtube.com/watch?v=3KfvUCKxCts


5. Relações Sociais

Sugestão: Envia uma mensagem de gratidão à primeira pessoa que te surgir no pensamento.


6. Atividades para estimular o Humor

Sugestão: Meditação com Música

7. Criação e Conclusão de metas

Sugestão: Escolhe um local que queiras transformar (ex: jardim) e imagina como gostarias que fosse o teu jardim. Podes desenhá-lo se quiseres, pois torna os pensamentos palpáveis. Após ganhares visão do projeto pergunta a ti próprio que passos deves dar para tornares a tua visão o mais próxima da possível realidade.


8. Valores de Vida e Autoconhecimento

Sugestão: Escolhe um valor base da tua vida para usá-lo durante um dia. Um valor ou qualidade que seja o mais natural possível (ex: Bondade, Compaixão, Partilha, Coragem). Procura ao longo do dia oportunidades para colocares esta qualidade em ação.

Esta é das minhas atividades preferidas, por me libertar um pouco do “piloto automático” e o meu dia ganha um propósito!


9. Atividade Extra - Preservação Meio Ambiente

Ao longo de toda a minha dedicação na construção do meu bem-estar pessoal, senti necessidade de criar uma 9ª área, relacionada com a preservação do meio ambiente.

É uma atividade que consigo implementar todos os dias com pequenas ações conscientes. Na grande maioria das vezes estas tarefas não são planeadas, então surgem consoante o meu dia. Se vou passear ao campo e vejo lixo, recolho do chão. É tudo questão de trabalhar a nossa consciência, pois dessa forma a ideia surge-nos, entramos em ação, e somos com certeza orgulhosos de nós pela abertura ao cuidado e espírito de comunidade.

Aos meus leitores lanço assim o desafio de colocarem em prática estas 8 ações durante uma semana! Envia o teu feedback para thinkyogapt@gmail.com para transformarmos esta partilha numa aprendizagem em comunidade.


Namaste.


55 visualizações